Linha Vermelha no Museu da Electricidade

No dia 05-11-2017 visitámos o museu da electricidade e o MAAT, da Fundação EDP.

E porquê?

Porque nesse mesmo dia, houve uma acção massiva de desobediência civil, na Renânia, Alemanha, onde milhares de pessoas pararam a produção de uma mina de carvão durante várias horas.  #Endegelande

Porque a central de carvão de Sines, da EDP, é responsável por 13,5% das emissões nacionais.

Fomos apelar a que “Deixem o carvão debaixo do chão”, pois “o carvão pertence aos museus”.

Mostrámos uma faixa, distribuímos flyers, tricotámos e pedimos aos transeuntes que tirassem fotos com os nossos cartazes, uma vez que se identificaram com o nosso apelo.

Vejam o vídeo:

 

E as fotos:

Comentem, que serão ouvidos